Quem escreve o Blog Viagem para Holanda

A história por trás do Blog Viagem para Holanda é um tanto quanto curiosa e voltando no tempo, percebi que muita coisa faz sentido! Vem comigo!

Olá, eu sou a Luciana, mineira de Poços de Caldas, Minas Gerais!

Cheguei na Holanda em 2016 e de lá pra cá muitas flores foram colhidas. Mais a história dessa viagem começa lá em Poços de Caldas mesmo!

Desde criança adorava arte, tudo que era lúdico e com cores! Caprichava nos desenhos da pré-escola; quando fui alfabetizada com 7 anos ( bem, naquele tempo….) estou me referindo ao século passado, onde a escola tinha um formato diferente do que é hoje, eu cuidava dos meus materiais escolares e tenho alguns cadernos guardados até hoje. Não consigo me desfazer.

Sempre fui muito caprichosa com meus cadernos, amava canetinhas coloridas, tinha uma coleção de papeis de cartas e meu caderno de mapas, era um luxo só.

Enfim, era ali que eu viajava, amava saber que além de Poços de Caldas, havia um oceano de possibilidades que eu nunca imaginaria que pudesse alcançá-lo.

E geografia era a disciplina que eu mais gostava, porque será hein?

Imagem da autora do Blog Viagem para Holanda
Luciana, turismóloga e autora do Blog Viagem para Holanda.

À primeira vista, estudar era o que eu sempre amei, descobrir um novo horizonte. Depois, descobri que eram as viagens. Assim, considerei agrupar as 2 paixões.

Viajei com e a escola para a Bienal dos 500 anos Brasil, duas vezes. Fiquei hipnotizada com as obras que vi. Aquele mundo era o que eu queria.

Bienal do Livro e todas as viagens que eu podia ir.

Cresci e entrei na faculdade de Turismo, mais antes eu prestei vestibular para Engenharia Mecânica. Lu, mais porque engenharia e mecânica ainda?

A resposta eu tinha na ponta da língua: vou trabalhar na Fórmula 1 e a cada semana estarei em um país diferente!

Bingo: era esse o meu sonho – viajar!

E trabalhando na Fórmula 1 eu poderia realizar este sonho. Preciso deixar registrado que eu amo assistir Fórmula 1 e acompanho toda corrida! Só que este vestibular não era para amadores, e lógico que eu não tinha paixão par ser engenheira. Só queria a possibilidade de viajar!

Sobre Luciana, autora do Blog Viagem para Holanda
Turismóloga Luciana, desistiu da Engenharia mecânica, mais vai ao GP de Fórmula 1 com turma do trabalho em Interlagos, São Paulo.

 

Então, a faculdade de Turismo era uma luz no fim desse túnel.

  • Foi um período de 4 anos, de amadurecimento e crescimento pessoal. Amei. Foi a melhor decisão.

Em 2002 com o diploma na mão, bacharel em Turismo, “voei” para São Paulo, para novas oportunidades e desafios! Confesso, que eu não estava preparada para enfrentar São Paulo, mas mesmo com medo fui, pois a vontade de evoluir e realizar meus sonhos, só dependia de mim, da coragem que eu achei que tinha.

Mais tudo passa! E ficaram grandes amizades da terra da garoa!

O desafio era conseguir um trabalho na área. Doce ilusão. Pediam experiência. Como um estudante que acaba de sair da faculdade tem experiência? Eu tinha vontade, mais não era suficiente!

Eu morava em uma cidade pequena em comparação a megalópole. Precisava aprender na prática, o que os conceitos eu havia estudado.

Enfim, consegui trabalhar em um banco internacional, afinal ficar em São Paulo sem trabalho não era a solução. Aprendi muito, fiz amigos que até hoje tenho contato. Cresci muito como pessoa.

No museu em Haia com a turismóloga do Blog Viagem para Holanda
Autora e criadora do Blog Viagem para Holanda. Em seu lugar preferido, os museus.

O tempo passou, os ventos sopraram e consegui trabalhar em agência de viagem, operadora e spa.

E minha paixão por arte só aumentou, pois as exposições em São Paulo eram a oportunidade que eu precisava para apreciar de pertinho o que eu estudava nos livros. Vi Picasso, Rembrandt, Van Gogh.

Eu sempre gostei de arte, seja na música, moda ou a pintura, e meu primeiro contato oficial, foi aos 15 anos em um curso de história da arte no Instituto Moreira Sales em Poços. Era Janeiro, férias.

Enquanto minhas amigas estavam na piscina, eu estava viajando para um mundo colorido e descobrindo pintores do outro lado do mundo.

Nesta época não tínhamos telefone para registrar esses momentos importantes. Mais ficou eternizado na memória pra sempre. Lembro do nome do professor, era Renato e ele era professor no Masp. Olha só o mundo conspirando…

Seja como for, a vontade de aprender era intensa, fiz cursos de bem estar, reflexologia, tenho uns bons diplomas do Senac e investi em uma pós graduação em estética, afinal trabalhei em Spa e sempre gostei da estética como cuidado e estética como estudo. Gostaria de atuar nesta área e a hotelaria entraria neste contexto.

Quem escreve o Blog Viagem para Holanda

Em 2014, comecei a pensar na possibilidade de me mudar para a Holanda. O primeiro passo foi checar quais eram os requisitos, estudar o idioma neerlandês e viajar para Holanda para conhecer o território.

Não é um processo fácil e rápido, precisa ter os pés no chão e paciência. Tudo deu certo e em Abril de 2016 cheguei com malas ( pra quê, meu Deus! uma era suficiente) e vontade de vencer!

Mais antes de vir, eu estudei tudo o que eu poderia fazer por aqui, e as respostas foram surpreendentes. Você pode fazer de quase tudo, se, falar corretamente o idioma, se adaptar fácil e aceitar que a cultura agora, é a neerlandesa e não mais a do jeitinho brasileiro.

Sabendo de tudo isso, porque passei a primeira fase do processo de imigração no Brasil e já estava ciente do que viria pela frente, eu me organizei para criar o Viagem para Holanda.

  • A ideia inicial sempre foi escrever um Blog com o meu olhar, com as informações coerentes e não apenas para ser mais um Blog sobre a Holanda. Afinal, tem milhares.

Amsterdam é um dos 5 destinos do mundo onde mais se recebe turistas. Pensa neste mundo imenso, e a Holanda é um dos Top 5. Essa informação é da Organização Mundial do Turismo.

  • Os dados holandeses são mais de 20 milhões de turistas na Holanda em 2018. Destes, mais de 200 mil são turistas brasileiros.

Sabendo disso, eu vi a possibilidade de atuar como profissional, oferecendo em um primeiro momento o Blog Viagem para Holanda.

A saga iniciou-se em 2016, uma tragédia grega, eu não sabia configurar a parte técnica de um site/blog em um computador em neerlandês.

Autora e criadora do Blog Viagem para Holanda
Viagem para Holanda com ótimas recomendações

Sendo assim, deixei de lado a ideia, fui mergulhar no estudo do idioma, na integração e me preparar para a segunda parte do processo de imigração que é feito em solo holandês, no período de 3 anos! Aja coração!!

Isso tudo em um espaço de tempo pequeno, assim que pisei no país.

  • Neste momento, entra em cena os museus, eles me salvaram do stress e me trouxeram todas aquelas lembranças de quando eu era criança e adolescente e amava o lúdico.

Eu estava diante da realidade, meu sonho ali pendurado na parede do museu.

  • Era Vermeer, Van Gogh, Mondriaan, eu não sabia pra onde olhar. É uma sensação tão boa, mais ao mesmo tempo cansa. É a adrenalina da arte.

De repente, você esta frente a frente com Van Gogh, não há palavras para expressar tanta gratidão.

  • A menina sonhadora de Poços de Caldas, estava lá, chorando de emoção ao ver o quarto de dormir de Van Gogh.

Toda esta trajetória, seria compartilhada em algum momento, só que eu não sabia quando. Mergulhei nos estudos da arte holandesa, fiz cursos ( dezenas), tudo para trazer algo de qualidade e diferente do que se tem sobre a Holanda em blogs.

Ainda sou iniciante neste mundo da escrita, mais tenho muita coisa pra contar.

Um dos momentos únicos vividos neste país, foi quando eu fui aceita para ser colaboradora voluntaria no museu dedicado a Johannes Vermeer em Delft. Sabe o pintor da garota com brinco de pérola? Essa obra prima conhecida no mundo todo?

Pois bem, hoje eu trabalho lá, recebemos pessoas do mundo todo e é uma delícia aprender novos idiomas, informar sobre as obras de Vermeer.

Precisei passar por um processo seletivo também. Até para ser voluntário e há mais de 3 anos eu recebi um SIM que me tirou de uma depressão intensa.

  • Amo estar nos museus. Me acalma a alma.

Os museus holandeses guardam a historia da Holanda em forma de pintura. É aprender com o “desenho” pendurado na parede.

E, aquela menina que sonhava em viajar, já realizou muitas viagens, fez muitos planejamentos, criou roteiros e passou por perrengues também.

Concluindo, porque já ficou extenso, mas contar historia é assim mesmo.

Trabalhei em agência de viagem, operadora, spa, viajei por mais de 27 países, 135 cidades e venho me reinventando e me adaptando neste mundo digital, mas sem perder a doçura daquela menina mineira que mesmo com medo e sozinha, foi para fazer a sua história.

Espero que vocês tenham gostado de saber um pouco mais de quem escreve e faz acontecer o Viagem para Holanda.

O Blog é um bebê, mas o fundamental é proporcionar a você leitor, viajar comigo, mesmo no modo virtual e saiba que pode confiar nas informações que repasso, pois é o meu olhar e minhas vivências e experiências culturais!

Obrigada por estar aqui!

Um abraço apertado, Luciana.